Postado em sexta-feira, 17 de julho de 2020

6 ideias para ganhar dinheiro sem sair de casa em meio à quarentena

Seja para procurar emprego ou para iniciar um negócio, meio digital é maior fonte de oportunidades em meio à pandemia


 Trabalhar sem sair de casa sempre teve suas vantagens. A flexibilidade de horários e a fuga do trânsito, em especial nas grandes cidades, eram algumas delas. Mas o trabalho remoto se tornou ainda mais valioso frente à pandemia do novo coronavírus.

O formato também pode ajudar quem precisa de uma fonte de renda neste momento - seja porque perdeu o emprego, teve o salário reduzido ou teve o negócio afetado pela crise. É possível desde iniciar um pequeno negócio até oferecer serviços em plataformas de freelance.

Abaixo, selecionamos seis ideias que permitem trabalhar em home office na quarentena. Veja:

1. Venda de produtos artesanais


Se você tem alguma habilidade manual, pode começar a vender seus produtos pela internet. Segundo a consultora do Sebrae-SP Fernanda Bueno, o ideal é começar divulgando os itens para conhecidos e recorrer ao delivery para as entregas.


Se as vendas derem resultado, um segundo passo pode ser inserir os produtos em um marketplace e criar uma loja virtual para atender outras regiões e cidades.


2. Venda e entrega de alimentos


Com mais pessoas pedindo comida por delivery, a alimentação se tornou um dos setores mais atrativos para empreender em casa. A demanda inclui desde refeições para o dia a dia, como marmitas, até bolos, doces e salgados para ocasiões especiais.

Quem decidir começar um negócio nessa área deve tomar especial cuidado com a higiene – e estruturar bem seu sistema de entregas.

3. Prestar serviços como freelancer


Há diversos sites que conectam profissionais autônomos a clientes interessados em serviços. Em muitos casos, como nas áreas de marketing ou suporte administrativo, as demandas podem ser executadas de forma remota.

5. Franquias digitais


Diversos segmentos que compõem o setor de franquias foram afetados pela crise do coronavírus. No entanto, algumas redes que mantêm a operação focada no online ou em aplicativos e têm como base o home office têm reportado crescimento.

As oportunidades variam da digitalização de processos aos serviços financeiros. Antes de investir em uma franquia, porém, é preciso ter alguns cuidados - como pesquisar bem sobre a marca e avaliar a própria capacidade financeira de tocar o negócio por um período sem ter lucro.

6. Revenda de produtos


A venda de produtos de outras empresas e marcas é outra opção para quem pensa em empreender em casa. Microempreendedores Individuais (MEI) podem se cadastrar como revendedores de redes especializadas em cosméticos, roupas, lingeries e outros produtos.

Enquanto algumas empresas exigem um investimento inicial, outras permitem começar as vendas sem nenhum custo.


4. Oferecer aulas ou consultorias online


Muitas pessoas tem aproveitado o período em casa para estudar e fazer cursos online. Quem tem alguma habilidade que pode ser ensinada, como idiomas, música ou gastronomia, pode ganhar dinheiro com aulas pela internet.

O conteúdo pode ser oferecido ao vivo, por videochamada, ou hospedado em uma plataforma digital. O importante é definir bem o seu público e deixar claro o que ele ganhará com esse conteúdo.

Há diversos sites que conectam profissionais autônomos a clientes interessados em serviços. Em muitos casos, como nas áreas de marketing ou suporte administrativo, as demandas podem ser executadas de forma remota.


Entre os sites que oferecem esse tipo de conexão estão plataformas como GetNinjas e Workana – que inclusive viram mudanças em suas demandas no início da pandemia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Revista PEGN



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

     
     
     
     

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Ok, eu aceito