Postado em segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020 às 16:04

Polícia Civil conclui inquérito sobre homem agredido até a morte

O assassinato foi em setembro de 2018 e um mês após a investigação já apontava um suspeito confesso.


Da Redação

A Polícia Civil concluiu o inquérito policial que apurou a morte de Edson da Silva Costa, que tinha 41 anos. O crime foi em setembro de 2018, no bairro Vila Betânia, em Alfenas.

Em outubro daquele ano, o suspeito Rafael da Silva Rosa, hoje com 23 anos, confessou aos policiais ter matado a vítima, encontrada morta em uma casa no bairro Vila Betânia. O investigado confessou ter usado uma panela e o disco do freio de uma motocicleta. 

De acordo com o Delegado Marcio Bijalon, as investigações apontam que o crime ocorreu após uma discussão. “O investigado foi tomar satisfação por a vítima, supostamente, ter furtado a genitora dele, momento em que discutiram e o suspeito a agrediu fisicamente”, informou. As agressões resultaram na morte da vítima.

Na semana passada, a Polícia Civil informou que representou à Justiça pela prisão do indiciado. O investigado também está com mandado de prisão preventiva decretada em razão de outro delito.

O assassinato foi em 2018 no bairro Vila Betânia (Foto: Arquivo - Reprodução no Alfenas Hoje)



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.