Postado em domingo, 25 de junho de 2017 às 18:06

Parada Gay é realizada com anúncio de processo contra vereador

Alessandro Emergente

A Parada do Orgulho LGBTTTS (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros) de Alfenas chegou a sua 12ª edição neste domingo. E, durante a manifestação realizada na Praça Getúlio Vargas, o fundador do MGA (Movimento Gay de Alfenas e Região), Sander Simaglio, anunciou que o Movimento entrará com uma ação judicial contra o vereador Tadeu Fernandes (PTC) por uma declaração em plenário.

Simaglio referiu-se ao vereador usando a expressão “babaca” e pediu vaias ao parlamentar, sendo atendido pelos manifestantes. O ativista disse que o vereador “vomitou” palavras com preconceito durante uma sessão legislativa recente e que as vaias chegariam a Câmara Municipal.

Em cima do trio elétrico, Simaglio afirmou que o vereador e o seu partido, o PTC, serão interpelados judicialmente, mas não detalhou o tipo de ação judicial. O motivo seria uma fala em plenário do vereador contrário ao uso do banheiro feminino por alunos que são travestis.

O advogado Sander Simaglio, fundador do MGA, pediu ao público vaias ao vereador (Foto: Alessandro Emergente/Alfenas Hoje)


De acordo com o representante do MGA, organizadora da Parada do Orgulho Gay, o uso de banheiros públicos de acordo com a identidade de gênero está em discussão no STF (Supremo Tribunal Federal). Três ministros, segundo ele, são favoráveis ao uso de banheiros públicos de acordo com o gênero com o qual a pessoa se identifica. “Vamos ensinar para ele (o vereador) o papel de legislar”, disse.

A reportagem tentou contato com o vereador Tadeu Fernandes no decorrer da tarde de domingo, após as declarações de Simaglio, mas não conseguiu contato. O telefone celular do vereador estava desligado.

Semana da Diversidade Sexual


A Parada do Orgulho Gay integra a 11ª Semana Sul Mineira da Diversidade Sexual, realizada pelo MGA. A programação começou na segunda-feira passada, dia 19, com a terceira edição do Gaymada no Ginásio Municipal Tancredo Neves.

No decorrer da semana houve palestras, rodas de conversa, lançamento do coletivo LGBTS, além de uma programação cultural no Teatro Municipal com o espetáculo “Atrium Carceri”, que teve o ator Mário Goes, premiado como o melhor ator em Cuba em 2016.

Mais uma edição da Parada do Orgulho Gay foi realizada em Alfenas (Foto: Alessandro Emergente/Alfenas Hoje)


Esse ano o tema foi “Transexual e Respeito: debaixo do silicone bate um coração”. Simaglio apontou as contradições na sociedade brasileira ao afirmar que São Paulo realiza a maior Parada Gay do mundo e, ao mesmo tempo, é o país que mais mata travesti e transexuais.

Na última sexta-feira, prefeito Luiz Antônio da Silva (Luizinho/PT) assinou um decreto que garante o uso do nome social nas repartições públicas do município e o reconhecimento das identidades de gêneros, além de instituir a Política de Saúde Integral LGBT. A informação foi divulgada no sábado pelo Alfenas Hoje.

NOTÍCIAS RELACIONADAS


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.