Postado em sábado, 26 de março de 2011

Homem é esfaqueado e morre no Jardim Primavera

Um homem foi assassinado na madrugada deste sábado no Jardim Primavera.


Da Reportagem

Um homem foi assassinado na madrugada deste sábado no Jardim Primavera. A vítima foi identificada com o nome de Wilson Cardoso da Silva, 36 anos. Ele é natural de Nova Aurora (PR) e já esteve detido no cadeião de Alfenas. A princípio, um apelido, de Macalé, foi divulgado como sendo do rapaz morto, mas esta informação foi descartada pela Polícia.

O corpo do homem foi encontrado com várias perfurações no pescoço, no rosto, nas costas e na mão direita. Informações preliminares indicam que o rapaz foi golpeado numa casa da rua Perobas (número 725). Há marcas de sangue em frente a este imóvel, que fica há aproximadamente 60 metros do local onde a vítima foi encontrada.

>> acusados já estão presos. Veja aqui

O corpo estava na esquina da rua Perobas com a avenida Lincoln Westin. Ao seu lado havia pegadas com mancha de sangue, que podem ser do assassino.

O corpo de Wilson foi removido do local pelo serviço funerário municipal e encaminhado até o IML. Enquanto o corpo “aguardava” a perícia, uma cena chamou a atenção da polícia, da imprensa e de curiosos que estavam no local: um filhote de gato insistia em ficar junto ao corpo, as vezes em cima da vítima. O animal foi retirado do local.

Suspeitos Identificados

Durante a madrugada, o delegado Charles Khouri e o Major Daniel Paulino estiveram no local acompanhando o trabalho da perícia.

Testemunhas disseram que a vítima estava na casa com uma moça conhecida como Elaine. Neste momento, um homem, identificado como “Lukinha”, teria ido até a residência e entrado em conflito com a vítima.

A vítima teria sido segurada por “Lukinha” e golpeada, com faca, por um homem identificado como Michel da Silva Alencar. Os dois acusados do crime fugiram em uma moto. A moça que estava na casa deixou o local antes da chegada da Polícia.

A Vítima

A vitima foi identificada com o nome de Wilson Cardoso da Silva, 36 anos. Ele é natural de Nova Aurora (PR). O rapaz levou ao todo 20 facadas. Inicialmente, um apelido, de Macalé, foi divulgado como sendo da vítima, mas essa informação foi descartada pela polícia.

De acordo com a direção do velório, a família de Wilson, que reside em Machado e no Paraná, foram comunicadas da morte do rapaz. A direção do velório disse ainda que espera até este domingo para que a família busque o corpo, caso contrário será sepultado em Alfenas

Acima, gato fica ao lado do corpo e serviço funerário municipal trabalhando. Abaixo, foto de Wilson Cardoso, que morreu com 20 facadas.

Wilson Cardoso morreu com 20 facadas

Michel da SIlva Alencar, suspeito do crime, já está preso. Veja aqui 



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.