Postado em quarta-feira, 30 de outubro de 2019 às 23:11

Alunos do ensino médio lançam livro

Textos de mais de 30 alunos compõem a obra, lançada na Unifal.


Da Redação

Estudantes do 3° ano da Escola Estadual Dr. Napoleão Salles lançaram, na última terça-feira, o livro “Pensadores Desconhecidos”. A iniciativa faz parte de um projeto desenvolvido pelo universitário Tiago Marini Ribeiro, do curso de Geografia da Unifal (Universidade Federal de Alfenas).

A obra foi lançada na última terça-feira no Auditório Leão de Faria, na Unifal. São textos de 32 estudantes que expressam seus sonhos e sentimentos por meio de poemas. Muitas vezes esses sonhos e a realidade aparecem de forma dicotômica, explica Ribeiro.

O universitário é integrante do programa Residência Pedagógica e estagiário nas aulas de Geografia do professor Tiago Silva. Ribeiro, que já lançou cinco livros, entre poesias e contos, percebeu na literatura uma aliada no processo pedagógico.

Livro apresenta textos de mais de 30 estudantes (Foto: Divulgação)


Nos textos dos estudante, Ribeiro observa a presença da Geografia relatada em temas como moradia e meio ambiente. A ideia é compreender os alunos em uma estratégia pedagógica, que visa humanizar o ensino.

Em um processo que levou cinco aulas os estudantes conheceram, mais de perto, autores da literatura marginal como Sérgio Vaz e Marcelo Biorki. Ao trabalhar a literatura periférica, Ribeiro procurou desmistificar a literatura como algo distante da realidade dos alunos.

Para a estudante Mislayne da Cruz de Abreu, uma das autoras, o livro possibilitou escrever sentimentos que estavam represados. O resultado de todo o esforço foi uma grata surpresa, segundo ela.

Outro estudante Filipe Ribeiro de Souza, que também assina um dos textos, diz que nunca se imaginou escrevendo um livro e ficou surpreso com o resultado. “Foi maravilhoso o resultado”, comenta.

O lançamento do livro foi no Auditório Leão de Faria, na Unifal (Foto: Divulgação)

Um dos aspectos importante da proposta, na avaliação de Ribeiro, foi despertar nos estudantes a capacidade de cada um além de perceber a complexidade envolvida em uma sala de aula.

Nessa primeira remessa de livros foram impressos 100 exemplares e, parte deles, deve ser direcionado para as bibliotecas públicas, como a da própria escola onde as obras foram escritas. O livro, lançado pela Editora Hinterlândia, será exposto durante a Feira do Livro de Alfenas, que será realizada em novembro.



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.