Postado em sexta-feira, 7 de dezembro de 2012 às 14:18

Alfenas avança 55 colocações no ranking estadual da Firjan

Em três anos, o município de Alfenas subiu 55 colocações no ranking estadual do Índice de Firjan Desenvolvimento Municipal (IFDM).


Alessandro Emergente

Em três anos, o município de Alfenas subiu 55 colocações no ranking estadual do Índice de Firjan Desenvolvimento Municipal (IFDM). Da 91ª colocação, que o município ocupava em 2008, Alfenas avançou para a 36ª em 2010, último ano base analisado pela Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro) e disponibilizado esta semana no site da Federação. 

O IFDM é divulgado anualmente com base nos dados dos municípios de dois anos antes. Por isso, o IFDM de 2010 foi divulgado em 2012. A Firjan divulga o índice como forma de oferecer as administrações municipais um parâmetro. Isto porque o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) só é divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU) a cada dez anos.

O avanço nas colocações tem acontecido a cada ano. Em 2008, Alfenas era 91ª mais bem colocada no Estado, um ano depois subiu para 44ª. Em 2010, subiu mais oito colocações chegando a 36ª posição.
Alfenas ficou “bem a frente” de Varginha no ranking estadual. A “cidade do ET” chegou somente na 55ª posição com um índice de 0,7703.

Índice histórico

O IFDM, alcançado em 2010, é o melhor obtido por Alfenas na série histórica do índice. Foi de 0,7906. Até então, o maior índice havia sido o do ano anterior, quando foram alcançados 0,7525.

A Firjan divulga, anualmente e sem interrupção, o índice com base em dados desde 2005. Em 2000, também utilizou os dados para o cálculo do IFDM. Naquele, Alfenas alcançou o pior índice – 0,6513.

O cálculo

Para chegar ao IFDM de cada município, a Firjan calcula três índices específicos em três áreas: emprego e renda, saúde e educação. Utiliza-se de estatísticas oficiais divulgadas pelos Ministérios do Trabalho, Educação e Saúde. 

Foto: Samuel Mendes

Índice alcançado por Alfenas é o maior da série histórica do município

O índice varia de 0 (mínimo) a 1 ponto (máximo) para classificar o nível de cada localidade em quatro categorias: baixo (de 0 a 0,4), regular (0,4001 a 0,6), moderado (de 0,6001 a 0,8) e alto (0,8001 a 1) desenvolvimento.

Segundo a Firjan, o estudo permite determinar com precisão se a melhora ocorrida em determinado município foi decorrente de medidas políticas locais ou apenas reflexo da queda do índice de outros municípios. 

Índice por área

O índice específico sobre emprego e renda impediu que Alfenas chegasse a classificação “alto” no índice geral da Firjan. Nesta área, o município alcançou 0,6335 – classificado como “desenvolvimento moderado”.

Os setores da educação e da saúde puxaram o índice final para cima. Cada uma dessas áreas atingiu a classificação “alto” pela Firjan. A Educação chegou a 0,8683 e saúde a 0,8701. Com isso, IDFM de Alfenas ficou em 0,7906 – classificado como “moderado”.

Região

O IDFM de Alfenas é o maior entre 11 cidades da região. Logo abaixo, aparece Alterosa com 0,7123 (158ª colocada no ranking mineiro). Paraguaçu vem em seguida com 0,7040 (196ª) e, na sequência, Areado (0,7012 sendo a 211ª no Estado), Carmo do Rio Claro (0,6923 e 238˚ no ranking) e Conceição Aparecida com índice em 0,6732 (310ª colocação). 

O município de Fama ficou em 353˚ no ranking de Minas com o IFDM em 0,6660. Divisa Nova aparece logo na sequência com 0,6528 (427˚ colocado em Minas).

Serrania alcançou um índice de 0,6501 e a 443ª na classificação entre os municípios do Estado. Campo do Meio teve um IFDM de 0,6469 (456ª posição em Minas) e Campos Gerais ficou na 505ª colocação no ranking mineiro com 0,6469.

LEIA MAIS:

Alfenas sobe no ranking da Firjan e fica entre as 50 de MG

Índice aponta desenvolvimento de Alfenas em 64º lugar

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.