Postado em segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018 às 10:21

Apartamento tem área social integrada, combinação de revestimentos e estilo Industria

 


SALA DE JANTAR  (Foto Guilherme Pucci / Divulgação )

Este é o primeiro apartamento de um jovem economista e o principal pedido à arquiteta Debora Vassão, responsável pelo projeto, era de que tivesse estilo industrial. Levando bem ao pé da letra o pedido do morador, Debora optou por não mexer em parte dos revestimentos do apê de 70 m², em Cambuí, Campinas, recém-entregue pela construtora. “Como o cliente queria estilo industrial, resolvemos manter a parede de concreto aparente e passamos apenas uma resina fosca no piso e teto”, explica a arquiteta.

Jovem e solteiro, quando o morador não está viajando, gosta de receber os amigos. Por isso, outra demanda era de uma área social bem integrada e com lugares para as pessoas se acomodarem. Pensando nisso, logo no hall de entrada uma bancada alta com banquetas já serve de acomodação para visitas. No living, um móvel baixo em L contorna todo o ambiente, reforçando a integração entre estar e jantar, além de servir como banco com o uso do futon.

Na disposição original da cozinha, uma divisória de vidro separava o espaço da lavanderia. Após a reforma comandada por Debora, os ambientes passaram a ser conectados e os itens da lavanderia, como tanque de cuba esculpida e máquina de lavar, ficaram escondidos dentro de um armário. “Fizemos também um móvel baixo com futon com vista para cidade – algo parecido com o que tem na sala – e, embaixo dele, escondemos as condensadoras do ar-condicionado que não podiam ficar na fachada do prédio”, conta.

De volta à sala, um móvel de marcenaria com nichos sem fundo faz a divisão entre o ambiente social e o quarto do morador. “Este era o móvel-desejo dele! Por isso, para destaca-lo, fizemos um fundo de tensoflex, que ainda ajuda com a iluminação”, esclarece a arquiteta. O revestimento de tijolinhos de mármore, presente na paredes da TV da sala e na da cabeceira da cama, no quarto, reforça o estilo industrial. O dormitório, que é bem espaçoso, recebeu amplo closet com portas de vidro e espelho.

“O que eu mais gosto neste projeto é que usamos diferentes revestimentos, como madeira, concreto e mármore, e apesar de tão distintos entre si, resultaram numa combinação muito harmoniosa. O resultado foi um apartamento descolado, sofisticado e confortável”, finaliza.


SALA (Foto Guilherme Pucci / Divulgação )


HALL DE ENTRADA (Foto Guilherme Pucci / Divulgação )

INTEGRAÇÃO (Foto Guilherme Pucci / Divulgação )


Fonte: A Revista Casa&Jardim