Postado em sábado, 20 de janeiro de 2018 às 18:09

Maior lixão das Américas é desativado

Do Poder 360

 

Depois de quase 60 anos em atividade, o Lixão da Estrutural foi desativado neste sábado (20.jan.2018). A área, próxima ao Parque Nacional de Brasília, fica a cerca de 15 quilômetros da Esplanada dos Ministérios. Com aproximadamente 200 hectares, era considerado o maior da América Latina em atividade.

“Não podíamos conviver com uma ferida aberta em plena capital do país, como o lixão da Estrutural, onde seres humanos buscavam sustento de forma indigna, colocando a vida em risco; isso será parte do passado desta cidade a partir de amanhã, disse o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg (PSB).

 

A partir deste sábado, o destino de parte do lixo produzido no DF será o Aterro Sanitário de Samambaia –a 35 quilômetros do centro da capital federal.

O encerramento das atividades do Lixão da Estrutural estava previsto para o 2º semestre de 2017, mas foi adiado após imbróglio com os catadores de material reciclável. O valor pago às cooperativas por tonelada de resíduos separada nos galpões de triagem vai passar dos atuais R$ 92 para até R$ 350.

 

[LEIA A MATÉRIA COMPLETA AQUI]

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.