Postado em domingo, 26 de novembro de 2017 às 13:01

Caminhada protesta contra violência sofrida pelas mulheres

Da Redação

Uma caminhada, na manhã de sexta-feira pelas ruas do centro de Alfenas, foi realizada para lembrar a população sobre um problema sério, que ainda faz da realidade brasileira: a violência contra a mulher. No sábado, 25 de novembro, foi comemorado o Dia Mundial de Combate à Violência contra a Mulher.

A ação em Alfenas foi promovida pelo Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), vinculada à Secretaria Municipal de Ação Social. A “Caminhada da Paz” teve como ponto de partida a sede da Prefeitura, e percorreu a Praça Getúlio Vargas, com encerramento na Concha Acústica.

De acordo com a assessoria da Prefeitura de Alfenas, o evento teve o objetivo de prestar informações sobre os direitos garantidos pela Lei 11.340/06, mais conhecida por Lei Maria da Penha, que visa coibir todo e qualquer tipo de violência contra a mulher.

A Caminhada pela Paz percorreu pelo centro de Alfenas (Foto: Ascom/Prefeitura de Alfenas)


Atualmente, somente dois terços dos países (140) punem a violência doméstica. Mais de 40 não o fazem. O Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) calcula que, no mundo todo, 50% das mulheres assassinadas são vítimas dos cônjuges ou de homens da família. As informações foram divulgadas pelo El País no último dia 24 em uma reportagem sobre a violência no mundo.

No Brasil, os dados são alarmantes. O Relógio da Violência, ligado ao Instituto Maria da Penha, revela que a cada sete segundos uma mulher é vítima de violência física. Outros tipos de violência, como a psicológica, podem deixar essa ainda mais alarmante a estatística. Os dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, os mais utilizados sobre o tema, apontaram um estupro a cada 11 minutos no ano de 2015.

O Creas atende mulheres, crianças, adolescentes, pessoas idosas, pessoas com deficiência, que estejam em violação de direitos, além de adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.