Postado em terça-feira, 11 de junho de 2019 às 09:09

Após vencer Comercial de Guapé, Alfenas fica a um empate da classificação

A próxima partida será em Boa Esperança, quando Alfenas precisa apenas de um empate.


Otávio Borba

Alfenas venceu, por 1 a 0, o Comercial, de Guapé, no último domingo diante da torcida, no estádio Francisco Leite Vilela (Campo do América) pela Copa Alterosa de Futebol Amador. O único gol da partida foi marcado pelo atacante "Fabinho "Graveto".

Em uma partida bastante disputada, repleta de faltas e paralisações (principalmente pelo time de Guapé que buscou catimbar o jogo), a seleção de Alfenas comandada pelo treinador Carlos Henrique Corrêa, o Iti, buscou sempre o gol,

A primeira boa jogada e chance clara de gol veio aos 15 minutos, para os visitantes, quando em erro de marcação dos defensores de Alfenas, o atacante Júnior ficou cara a cara com o goleiro Matheus Cosme, porém chutou fraco e Matheus fez a defesa.

A vitória, diante da torcida, colocou Alfenas a um empate da classificação (Foto: Otávio Borba)


Aos 20 minutos, Alfenas deu a resposta. Em boa jogada que teve início com o lateral direito Alisson Alves, o "Paraná", o atacante argentino Augustin Ariel fez bem a parede e a bola sobrou para Canhoto que bateu bonito, forte, mas a bola estourou na trave direita do goleiro Branco.

Outras chances apareceram na etapa inicial. Leonardo Tukinha quase deixou o dele, chutando rente ao ângulo esquerdo da meta de Branco. Mas aos 44 minutos, novamente a defesa de Alfenas foi envolvida pelo ataque guapeense e novamente Júnior desperdiçou chance clara de gol, chutando fraco e em cima do goleiro Matheus.

2° tempo

Na segunda etapa, o jogo continuou indefinido e com Guapé tentando esfriar o jogo com seus jogadores, caindo e pedindo atendimento a todo momento. Esse fato causou irritação nos jogadores de Alfenas e na torcida alfenense.

Aos cinco minutos, o atacante Augustin, que mostra a garra dos “gringos” em todos os jogos, quase deixou o seu. Ele recebeu dentro da área, girou sobre o marcador e o goleiro Branco fez boas defesa.

A partir dos 10 minutos o treinador Iti começou a alterar a sua equipe. Sacou o volante Eduardo Mamão e colocou o rápido Fabinho Graveto. E Graveto não deixou o ritmo cair. Entrou e bem no jogo como tem ocorrido costumeiramente. Lukinha também entrou na vaga de Canhoto.

Fabinho Graveto marcou o gol da vitória de Alfenas (Foto: Otávio Borba)


E mesmo acuado em seu campo de jogo, o time do treinador Luizinho se mostrava perigoso nos contragolpes, mas a dupla de zaga, Samuel e Edinan estavam atentos, assim como o volante, Wagner Rodrigues, o "Vagninho", jogador que já foi bi campeão da Copa Record pelo Chapadão com o próprio treinador Iti.

Aos 15 minutos falta perigosa para o time de Guapé e o goleiro Matheus Cosme fez excelente defesa. O treinador Iti fez outras substituições. Japinha entrou no lugar de Duzinho. E foi justamente Japinha que deu um passe açucarado para Fabinho "Graveto" que, na saída do goleiro Branco, tocou com categoria e fez 1 a 0 no marcador aos 36 minutos.

Com o resultado adverso, Guapé tentou sair para o jogo. E tomava contragolpes perigosos. Logo após o gol de Alfenas Iti fez outra alteração, sacando Augustin e colocando o volante Carneiro, na intenção de dar mais proteção a zaga e reforçando o setor de meio campo.

Aos 44 minutos, em rápido contra-ataque, Fabinho Graveto não foi feliz na conclusão e perdeu gol certo bem próximo ao goleiro Branco que fez a defesa. E assim terminou a partida. A arbitragem esteve a cargo do confuso Nilson Davi, auxiliado por Vanderli Pereira e Evandro Silva, Na súmula, Rogério Venancio.

A próxima partida de Alfenas será domingo, dia 16, contra o Minas Esporte Clube, em Boas Esperança, dependendo apenas de um empate para garantir a classificação para a segunda fase. A últim partida, diante da torcida, foi contra o Machadense pela primeria fase da competição.

O selecionado de Alfenas venceu com Matheus Cosme, Alisson Alves, o "Paraná", Samuel Júlio, Edinan Alves e Marcelinho, Eduardo "Mamão", Wagninho e Canhoto, Tukinha, Augustin Ariel e Duzinho. No banco, o treinador Carlos Henrique Correa, contou com Tonho, Lukinha, Japinha, Matheus Souza, Natanael "Gamel" Fernando "Sheik", Jhon Santos, Fabinho "Graveto", Elias e Rafael Carneiro.

O Guapé/Comercial perdeu com Branco, Deninho, Wallas, Maercio e Macaia, Eduardo, Camilo e Tulio, Diego, Guilherme e Júnior. No banco, o treinador Luizinho contou com Felipe, Calango, Robinho, Lenadro, Josias e Diogão.



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.