Postado em segunda-feira, 5 de novembro de 2018 às 11:13

Há 9 tipos de mulheres que NÃO podem usar DIU de cobre

Disponível nas versões de cobre ou hormonal (conhecido como Mirena), o DIU (dispositivo intrauterino) é um contraceptivo...


 Disponível nas versões de cobre ou hormonal (conhecido como Mirena), o DIU (dispositivo intrauterino) é um contraceptivo com formato da letra T ou de uma ferradura que é inserido no útero para evitar uma gravidez indesejada.

Tanto o DIU de cobre como o hormonal são considerados seguros e eficientes, mas por apresentarem diferenças relevantes, é fundamental receber orientação médica na hora de escolher o tipo que mais combina com o perfil da mulher.

Em seu perfil no Instagram, a ginecologista Dra. Luciana Deister explica, por exemplo, que alguns tipos de mulheres não podem usa o DIU de cobre. Entenda em que casos este tipo de dispositivo não é indicado:

Mulheres que não devem usar DIU de cobre

  • Mulheres com muita dor pélvica ou cólica menstrual: o dispositivo de cobre pode piorar a condição por conter substâncias inflamatórias. Além disso, o DIU hormonal é mais indicado neste caso, já que a progesterona diminui o processo inflamatório, amenizando os desconfortos.
  • Mulheres com fluxo menstrual intenso: o DIU de cobre não é recomendável porque pode intensificar ainda mais o sangramento menstrual.
  • Mulheres com doença inflamatória pélvica também devem evitar o DIU de cobre.
  • Mulheres com DSTs ou infecções ginecológicas em atividade e/ou sem tratamento adequado.
  • Mulheres que possuam miomas que distorçam a cavidade uterina, como os miomas submucosos.
  • Mulheres que apresentam malformações uterinas, como útero septado, por exemplo.
  • Mulheres que apresentam estreitamento do canal do colo do útero.
  • Mulheres com sangramento vaginal sem diagnóstico.
  • Mulheres com câncer do colo do útero e endométrio.




Fonte:Vix