Postado em sábado, 10 de março de 2018 às 09:28

Você só é um cachaceiro profissional quando já reconhece TUDO isso: como degustar?

 Para comprovar qualidade e sofisticação, uma boa cachaça precisa ter uma aparência agradável e coerente com seu requinte. Por isso, saber examinar esse visual, aroma e textura é algo que você precisa aprender para poder julgar a excelência da bebida destilada genuinamente brasileira feito a partir do caldo da cana de açúcar fermentado. Para ajudar, o CEO da Middas e sommelier de cachaça, Leandro Dias, indica abaixo aspectos mais importantes a serem observados em uma boa cachaça:

Características de uma cachaça de qualidade


Limpidez

Toda cachaça deve ter aparência límpida, ou seja, sem partículas em suspensão ou no fundo da garrafa. A presença dessas partículas indica que o processo de produção, filtração ou armazenamento da bebida não se enquadram nos padrões mais exigentes de higiene e pureza.

Transparência

Em nenhuma situação, a cachaça deve ser turva, mas sempre translúcida. A turbidez na cachaça indica falha no processo de homogeneização da bebida, erros de destilação ou finalização da cachaça.

Brilho

Características de limpidez, viscosidade e transparência reunidas causam reflexos intensos na cachaça e dão a ela um bonito e inconfundível aspecto brilhante. Ainda que apenas o brilho não signifique que a cachaça é boa, esse aspecto da aparência é comum a todas as bebidas de qualidade.



Cor

A cor pode ser mais ou menos intensa, de acordo com o tempo de envelhecimento, a espécie da madeira, as condições do tonel e do ambiente onde se desenvolve o processo. Madeiras consideradas neutras, como o amendoim e o jequitibá, praticamente não transferem cor à cachaça, mas proporcionam à bebida os efeitos benéficos do processo de envelhecimento como suavidade e ampliação do aroma.

Textura

É esperado que uma cachaça de qualidade possua uma textura sutilmente viscosa. Essa viscosidade é observada a partir da aderência do líquido nas paredes da taça.

Como servir

Para servir adequadamente a cachaça no recipiente correto, para começar, use uma taça que ajuda a arejar mais facilmente o álcool da bebida. Coloque uma quantidade de cachaça correspondente a 1/3 do volume da taça.

Incline suavemente a taça para enxergar melhor a superfície da cachaça e gire o recipiente levemente em movimento circular. Dê um gole não exagerado na boca, e deixe a cachaça girar lentamente no seu interior, de modo a permitir que ela entre em contato com todas as regiões da língua.

Atenção aos sabores: eles devem ser sempre agradáveis, de boa intensidade e compatíveis com o tipo da cachaça. Em uma bebida nova, por exemplo, não é esperado encontrar sabor amargo ou doce. Também não se espera que uma cachaça de boa qualidade cause ardor na boca e nariz ou lágrimas nos olhos.


Fonte: Vix