Alfenas Hoje - Após "Dia D", vacinação contra a gripe já chega a mais de 55% do público alvo no Sul de Minas
Postado em terça-feira, 16 de maio de 2017

Após "Dia D", vacinação contra a gripe já chega a mais de 55% do público alvo no Sul de Minas

Mais de 300 mil pessoas já foram vacinadas contra a gripe no Sul de Minas, o que equivale a 56,3% do público alvo da campanha de combate ao vírus influenza. Os dados foram atualizados até esta domingo (14) e divulgados pelo Ministério da Saúde após o "Dia D", um mutirão de vacina realizada em todo país no sábado (13) e que apenas em Minas Gerais movimentou 4 mil postos de saúde. Antes do "Dia D", a imunização contra a gripe não havia alcançado 30% dos moradores com direito a doses gratuitas.

Conforme o Ministério da Saúde, das quatro regionais que compõem o Sul de Minas, Alfenas (MG) é que a teve melhor desempenho até esta segunda-feira (15). A regional abrande 26 cidades e 62,67% da população se vacinou. Na região de Varginha (MG), 57,78% das pessoas com acesso a doses gratuitas compareceram aos postos. Na regional de Passos (MG), a abrangência vacinal é de 53,41%. Na região de Pouso Alegre (MG), a vacina alcançou 53,07% dessa população.

A edição 2017 da campanha nacional de vacinação que previne contra o vírus influenza começou no dia 17 de abril. Neste ano, recebem a dose gratuita pessoas acima de 60 anos, gestantes, mulheres no período de até 45 dias após o parto (em puerpério) e crianças entre seis meses e menos de 5 anos de idade. A vacinação ainda é voltada para trabalhadores da saúde, professores das redes pública e particular de ensino, povos indígenas aldeados e população privada de liberdade. A meta este ano é alcançar ao menos 90% dessas pessoas, o correspondente a pouco mais de 5 milhões em Minas Gerais.

Segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, entre janeiro e 4 de maio de 2017, foram registrados 32 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), causada por Influenza. Desses, cinco foram causados pelo tipo B, um pelo tipo A/H1, 23 pelo tipo A/H3N2 e três pelo tipo A não subtipado ou sem informação.

Em 2016 foram registrados 1.059 casos de Srag, dos quais 623 eram provocados pelo tipo A/H1N1, e 291 mortes pela doença foram confirmadas. No Sul de Minas, a campanha chegou a ser antecipada em algumas cidades após a confirmação de três casos de gripe, com uma morte em Lavras (MG) e outra em Andradas (MG).

 

 

G1 Sul de Minas















COLUNAS


Em debate
Shows do Aniversário de Alfenas
Leonardo Miranda
Democracia
O cair das máscaras
Daniel Murad Ramos
Literatura
O Documentarista
Leonardo Miranda

Alfenas Hoje - Jornalismo com responsabilidade
Copyright © 2007 - 2017 - Todos os direitos reservados

Adapt Soluções e Treinamentos