Postado em segunda-feira, 6 de julho de 2020

Google oferece R$ 2,5 mi a projetos de tecnologia e COVID-190

Programa de apoio à pesquisa do Google, LARA chega à oitava edição e terá categoria exclusiva para projetos sobre COVID-19


 O LARA é um projeto do Google para auxiliar pesquisadores de países latino-americanos. O programa chega à 8ª edição em 2020 com uma categoria exclusiva para projetos ligados à doença. Ao todo, serão distribuídos R$ 2,5 milhões entre os mestrandos, doutorandos e orientadores em bolsas mensais de até US$ 1.200 (cerca de R$ 6.430 em conversão direta).

“Visto o potencial da América Latina como um grande polo de inovação, o Google quer incentivar a pesquisa em diversas áreas e buscar projetos que sejam também relevantes localmente. Com o novo campo de pesquisa, sobre a COVID-19, queremos incentivar pesquisadores do Brasil e de toda a América Latina a otimizar seus estudos e chegar mais a fundo em um assunto que afeta a população diretamente”, anunciam.

Além de pesquisas sobre a doença, o Google ainda irá financiar projetos sobre tecnologia. Em 2020, o Latin American Research Awards (LARA) irá contemplar os seguintes campos de pesquisa:

Saúde (COVID-19);
Geografia e mapas;
Interação entre humanos e computadores; recuperação, extração e organização de informações (incluindo gráficos de semântica);
Internet das Coisas (incluindo cidades inteligentes);
Machine learning (aprendizado de máquinas ) e data mining (mineração de dados);
Dispositivos móveis;
Processamento natural de línguas;
Interfaces físicas e experiências imersivas;
Privacidade;
Outros tópicos relacionados a pesquisas na web.
As inscrições do LARA 2020 começaram nesta quinta-feira (2) e vão até 30 de julho e são realizadas pela internet (cseduapplication.withgoogle.com). Segundo o Google, os projetos enviados serão avaliados “por um comitê formado por engenheiros do nosso Centro de Engenharia em Belo Horizonte”.

Esta é mais uma edição do programa de apoio à pesquisa latino-americana do Google desde 2013. Em 2019, a companhia distribuiu R$ 2 milhões entre alunos de mestrado e doutorado e orientadores da América Latina para projetos sobre tecnologia que tratassem de Internet das Coisas (IoT), machine learning, entre outros campos.

Tenha mais informações em: Blog do Google Brasil

 

 

 

Fonte: TecnoBlog



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.