Postado em sexta-feira, 9 de novembro de 2018 às 12:12

Justiça determina reintegração de posse usina Ariadnópolis,Campo do Meio

Área foi ocupada pelo MST em dezembro de 1997; segundo movimento, 450 famílias vivem no local....


 O juiz Walter Zwicker Júnior, da Vara Agrária de Minas Gerais, determinou a reintegração de posse da área da usina de Ariadnópolis, em Campo do Meio (MG). A decisão saiu nesta quarta-feira (7) durante uma audiência no Fórum da cidade. Com isso, as famílias de sem-terra que estão acampadas na fazenda terão de sair em até sete dias.

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) fizeram uma manifestação durante a audiência contra a reintegração de posse. Eles levaram faixas e alimentos cultivados nas terras.

A briga na Justiça já dura mais de 20 anos. Segundo o MST, cerca de 2,4 mil pessoas, de 450 famílias, moram na área. O movimento afirmou ainda, em nota, que recorreu e que considera a decisão arbitrária e injusta.

O MST diz ainda que na área são cultivadas 1,2 mil hectares com vários cultivos e mais de 500 hectares de café, e que toda a produção pode ser perdida.

 


Usina de Ariadnópolis, em Campo do Meio — Foto: Régis Melo

 

 

 

Fonte:G1