Postado em segunda-feira, 11 de junho de 2018 às 23:11

Alfenas perde em Nepomuceno e é eliminada da Copa Alterosa

Na partida do último domingo, Alfenas perdeu por 3 a 0 e deu adeus a competição. Na foto, partida em fases anteriores diante da torcida.


Otávio Borba

O Alfenas Esporte Clube foi até a cidade de Nepomuceno enfrentar a equipe daquela cidade. No primeiro confronto do mata-mata, empate em um gol no Estádio Francisco Leite Vilela (Campo do América), gol de Matheus Souza. Na partida do último domingo, dia 10, Alfenas perdeu por 3 a 0 e deu adeus a competição.

O time comandado pelo treinador Celso Liberato alternou boas e más atuações no decorrer da competição. Por opção do treinador, a equipe que foi campeã amador de Alfenas teve apenas um reforço: o zagueiro Marcelo Júnior, de Paraguaçu.

Celso Liberato teve um time unido, porém apenas a união não é o suficiente para disputar a Copa Alterosa, onde as demais equipes se reforçam e muito. De acordo com o diretor de futebol da Secretaria de Esportes, Luciano Assumpção, foram oferecidos dois jogadores para reforçar o elenco. Trata-se de Reginaldo, meio campista de Três Pontas, e o atacante, Baiano, experiente e goleador, também do futebol tricordiano. Liberato abriu mão destes reforços, ficando mesmo com os seus jovens atacantes que em determinados jogos falharam na hora decisiva.

Em seu post, Liberato enalteceu a participação do Alfenas Esporte Clube/Divino Rodosul, agradecendo o empenho de todos, principalmente do experiente Elivelton Rufino, que aos 46 anos foi o destaque do time, sendo o artilheiro com sete gols. Ele também agradece o apoio da Secretaria de Esportes de Alfenas, que se mostrou presente com o Secretário de Esportes, Fábio Sossur, o Fô, Luciano Assumpção e Luciano Fernando, o Babalu.

A participação de Elivelton foi de extrema importância. Foi decisivo em determinados jogos. Além de ser diferenciado dentro de campo, fora dele, principalmente no vestiário, sua preleção elevava a auto estima de cada jogador, principalmente dos mais jovens, sempre enaltecendo o valor de cada jogador. Foi um verdadeiro pai para os meninos.

Respeitando sempre a decisão do treinador Liberato, ele sonhou e ousou alto, pois aqui em Alfenas mesmo, temos vários jogadores que poderiam reforçar e bem a sua esquadra. Mas valeu pela experiência que estes jovens jogadores adquiriram e certamente no futuro poderão estar em uma seleção de Alfenas para representar o futebol amador de Alfenas em competição de tamanha envergadura que é a Copa Alterosa.

Gabriel Rufino, Lukinha, Tukinha, Matheus Souza, Jhon Santos, Fabrício Teslar (quando chamado) tiveram bom rendimento no decorrer da competição, mas faltou algo mais para ir mais longe. E em uma competição de 28 equipes, chegar as oitavas de finais foi um feito a ser comemorado, conforme afirmou o treinador Celso Liberato.

Que venha a próxima competição. Que venha junto o consenso e o diálogo para se formar uma equipe ainda mais forte que o time de Liberato, que foi bem, mas poderia ter ido mais longe com um elenco mais recheado de alternativas. Ou seja, uma seleção de Alfenas com vários nomes na comissão técnica, abrindo um leque entre pessoas do ramo e que querem o futebol amador de Alfenas no topo de qualquer competição que disputar.

NOTÍCIAS RELACIONADAS


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caracteres Restantes 500

Termos e Condições para postagens de Comentários


COMENTÁRIOS

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.