Postado em segunda-feira, 6 de novembro de 2017 às 08:55

Cruzeiro vence Atlético-PR e dá sequência ao objetivo de terminar bem o Brasileiro

Depois de derrotas seguidas para Coritiba e Atlético e empate com o Palmeiras, o Cruzeiro voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. O belo gol de Arrascaeta, marcado aos 40min do primeiro tempo, garantiu o triunfo celeste por 1 a 0, neste domingo, no Mineirão, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O bom resultado mantém a Raposa em quinto lugar da Série A, agora com 51 pontos - 24 foram conquistados apenas no returno (sete vitórias, três empates e três derrotas). Conforme dito várias vezes por jogadores e comissão técnica, o time tem o objetivo de encerrar a competição com a melhor campanha possível, mesmo com a presença assegurada na fase de grupos da Copa Libertadores de 2018 por intermédio do título da Copa do Brasil.

Na quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), o Cruzeiro enfrentará o Flamengo no estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro. No mesmo dia, às 21h, o 11º colocado Atlético-PR (42 pontos) pegará o líder Corinthians, na Arena da Baixada.

O jogo

Por causa da falta de gols dos atacantes, Mano Menezes escalou o Cruzeiro sem uma referência no setor ofensivo. A orientação era para que Thiago Neves e Arrascaeta alternassem o posicionamento mais adiantado. Deu certo. A Raposa foi envolvente na troca de passes e apostou na constante movimentação dos meio-campistas para avançar.

Depois de algumas tentativas não tão claras, o time celeste abriu o placar já na reta final do primeiro tempo, com Arrascaeta. Aos 40min, o uruguaio recebeu lançamento de Robinho, fintou Wanderson e bateu com categoria na gaveta: 1 a 0. O Atlético-PR, que teve Ribamar como jogador mais perigoso, quase buscou a igualdade nos acréscimos. Em lançamento de Sidcley, o centroavante virou uma bicicleta e obrigou Fábio a espalmar.

No começo do segundo tempo, o Cruzeiro esteve muito próximo de ampliar o marcador em duas oportunidades, ambas em chutes de fora da área de Rafinha. A primeira finalização, aos 4min, passou muito perto da trave direita de Weverton. Aos 11min, o goleiro do Furacão se esticou e rebateu a bola para o lado.

O Atlético-PR, que parecia entregue na partida, quase empatou aos 24min. Em escanteio cobrado por Guilherme, a bola fez efeito inesperado e explodiu no travessão. Lucho González pegou a sobra e só não balançou a rede porque Manoel fez o corte praticamente em cima da linha. Aos 40min, Fábio deu um tapa na bola após cruzamento fechado de Sidcley.

O Cruzeiro voltou a atacar aos 42min, com o armador Robinho. O camisa 19 estava bem posicionado para bater a gol, mas pegou muito mal e chutou a redonda para longe. Pouco antes, o prata da casa Jonata, de 19 anos, havia acabado de entrar no lugar de Arrascaeta para sua estreia no time principal.

CRUZEIRO 1X0 ATLÉTICO-PR


CRUZEIRO

Fábio; Ezequiel, Manoel, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Lucas Silva, Robinho e Rafinha (Rafael Marques, aos 44min do 2ºT); Thiago Neves (Alisson, aos 29min do 2ºT) e Arrascaeta (Jonata, aos 38min do 2ºT)
Técnico: Mano Menezes

ATLÉTICO-PR

Weverton; Jonathan, Wanderson, Paulo André e Fabrício; Esteban Pavez, Lucho González (Matheus Rosseto, aos 25min do 2ºT) e Guilherme; Sidcley, Lucas Fernandes (Pablo, aos 20min do 2ºT) e Ribamar
Técnico: Fabiano Soares

Gol: Arrascaeta, aos 40min do 1ºT (CRU)
Cartões amarelos: Rafinha, aos 31min do 1ºT (CRU); Sidcley, aos 24min, Pavez, aos 24min do 2ºT (APR)
Estádio: Mineirão
Data: domingo, 5 de novembro de 2017
Árbitro: Marcelo Aparecido R. de Souza (CBF/SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (CBF/SP) e Bruno Salgado Rizo (CBF/SP)
Assistentes adicionais: Leandro Bizzio Marinho (CBF/SP) e Salim Fende Chavez (CBF/SP)
Pagantes: 8.157
Presentes: 10.845
Renda: R$ 144.047,00

 

Fonte: Super Esporte

















Alfenas Hoje - Jornalismo com responsabilidade
Copyright © 2007 - 2017 - Todos os direitos reservados

Adapt Soluções e Treinamentos